Bem vindo a Camda

Matriz - Adamantina/SP

Rua Chujiro Matsuda, nº 25 - Vila Endo

Telefone:

(18) 3502-3000

HOME
A EMPRESA
ESTRUTURA
LOJAS
POSTOS DE EMBALAGEM
MINERCAMDA
CATÁLOGO
PROJETOS
INFORMATIVO
RELATÓRIO ANUAL
NOTA FISCAL
CLASSIFICADOS
COTAÇÕES E MERCADO
DOWNLOADS
NOTÍCIAS
SEJA COOPERADO
TRABALHE CONOSCO
FALE CONOSCO
CONTATOS
Notícias


Atualizado em 04-10-2018

Equinos: principais doenças

Algumas doenças de equinos causam preocupações nos criadores e é de extrema importância que eles tentem evitá-las ao máximo. Porém, caso alguma doença seja detectada, um programa efetivo de sanidade deve ser posto em ação juntamente com o médico veterinário de confiança do pecuarista. Abordaremos algumas medidas de prevenção e as principais doenças que atacam os equídeos.
Uma forma eficiente de evitar o aparecimento de enfermidades nos cavalos ainda pequenos é por meio do fornecimento de colostro, em maior quantidade possível, aos cavalos recém-nascidos com aproximadamente 36 horas de vida, que é a imunidade passiva. Vacinar contra as doenças bacterianas e viróticas também é uma medida profilática. Além disso, deve-se limpar e desinfetar com frequência as instalações, em períodos de surtos de doenças; combater moscas, mosquitos, carrapatos e quaisquer outros ectoparasitas. É importante que os animais tenham sempre à disposição água abundante e limpa, verde de qualidade, ração balanceada e mistura mineral completa.
Passemos agora a algumas das principais doenças que atacam os equinos:
Anemia infecciosa
Essa doença é também conhecida como “febre dos pântanos” e se reproduz por vírus. Essa doença pode atacar equinos de qualquer idade, qualquer sexo e raça. Os transmissores são os mosquitos, mutucas e varejeiras que ao se alimentarem do sangue de animais infectados, ao atacarem outros sadios, transmitem a doença. Ela é mais frequente em terrenos baixos e mal drenados ou em zonas úmidas muito florestadas.
Os sintomas são febre que chega a 40,6 C; respiração rápida; abatimento e cabeça baixa; deslocamento dos pés posteriores para diante; debilidade das patas; inapetência e perda de peso.
Encefalite equina
Essa doença é também conhecida como falsa raiva, peste-de-cegar e doença de Aujesky. É causada por vírus que atacam o sistema nervoso central dos equinos e causam perturbações diversas. Os animais doentes portam o vírus no sangue, nas vísceras e na medula óssea. Ela é transmitida por morcegos, carrapatos, hematófagos. Suas vias de contágio são as fossas nasais e as vias digestivas.
Os principais sintomas dessa doença são perturbações na locomoção; febre; hipersensibilidade ao ruído e tato; sonolência, apatia, quedas frequentes; a visão fica comprometida; emagrecimento rápido; pálpebras caídas; apatia e apoio da cabeça nos obstáculos. Para o tratamento, os animais doentes devem ser retirados do trabalho e colocados em um lugar tranquilo e escuro, sob boas condições higiênicas.
Influenza equina
Essa doença é causada por vírus e transmitida pelo contato direto entre animais sadios e doentes. Ela é conhecida também como gripe ou tosse cavalar e é bem parecida com a gripe humana. Essa doença é muito contagiosa e ataca principalmente cavalos com menos de 5 anos, sendo comum em locais onde há aglomeração de animais.
Os principais sintomas são febre, calafrio, respiração rápida, perda de apetite, corrimento nasal, inflamação da garganta, tosse. Para o tratamento, deve-se proporcionar ao animal doente repouso absoluto protegido contra correntes de ar frio e providos de boa cama e alimentação nutritiva.
Cólica equina
Essas cólicas são resultado de doenças do aparelho digestivo ou mesmo de outros órgãos, sendo classificadas como verdadeiras ou falsas. As verdadeiras são causadas por doenças dolorosas do estômago e do intestino, com defecação anormal. Já as falsas são resultado de enfermidades do peritônio, baço, rins e órgãos internos. Para o tratamento dessa cólica, o animal deve ser colocado em uma baia e sem fornecimento de comida, para em seguida receber o medicamento prescrito pelo médico veterinário.
Palestra
A Camda – filial de Naviraí realizou em sua unidade uma palestra que abordou sobre as principais enfermidades que acometem os equinos e suas prevenções. Em parceria com a Venco Saúde Animal, na ocasião reuniu diversos equinocultores para repassar novas informações e tratamentos.
Na oportunidade, Tiago Marques (gerente da filial) apresentou a mais nova ração Minercamda produzida pela cooperativa: Equino Tropa. (Com informações do Portal Agropecuário)
 


Últimas notícias


HOME  |   A EMPRESA   |   LOJAS   |   POSTO DE EMBALAGEM   |   MINERCAMDA   |   CATÁLOGO   |   EVENTOS   |   PROJETOS   |   INFORMATIVO   |  RELATÓRIO ANUAL
NOTA FISCAL   |   CLASSIFICADOS   |   COTAÇÕES E MERCADO   |   DOWNLOADS   |   NOTÍCIAS   |   SEJA COOPERADO   |   TRABALHE CONOSCO  |   FALE CONOSCO

Copyright © 2012 Cooperativa Camda  |   Desenvolvido por Evolução Web